Você não tem nenhum item em seu carrinho de compras.
Pesquisa
Voltar para todos os posts do blog

Diretora da Win participa de debate na TV Alerj sobre avanço da energia solar no País

A diretora comercial da Win, Camila Nascimento, participou, na condição de coordenadora estadual da Associação Brasileira de Energia Fotovoltaica (ABSOLAR) no Rio de Janeiro, de uma mesa redonda no programa Rio em Foco, da Tv da Assembleia Legislativa do Estado do RJ (Alerj) sobre o avanço e o futuro da energia solar no território fluminense e no País.

 

O debate, mediado pela jornalista Geiza Rocha, contou ainda com a participação da especialista em energia da Federação das Indústrias do Estado do Rio de Janeiro (Firjan), Tatiana Lauria.

 

De acordo com as especialistas, este ano de 2022 deve ser o melhor para o setor de energia solar desde 2012 no Brasil. A aprovação do Marco Legal da Energia (Lei n°14.300/2022) em janeiro último trouxe mais segurança jurídica para quem já está no mercado e para quem ainda deseja investir.

 

As executivas também falaram sobre os avanços e as oportunidades das energias limpas e renováveis no Brasil e sobre os potenciais do estado do Rio, que hoje ocupa a 8ª posição no ranking nacional da geração própria de energia solar, segundo a ABSOLAR.

 

Para Camila Nascimento, o avanço da energia solar no País, via grandes usinas e pela geração própria em residências, pequenos negócios, propriedades rurais e prédios públicos, é fundamental para o desenvolvimento social, econômico e ambiental do Brasil e ajuda a diversificar o suprimento de energia elétrica do País, reduzindo a pressão sobre os recursos hídricos e o risco da ocorrência de bandeira vermelha na conta de luz da população.

 

“O estado do Rio de Janeiro é atualmente um importante centro de desenvolvimento da energia solar. A tecnologia fotovoltaica representa um enorme potencial de geração de emprego e renda, atração de investimentos privados e colaboração no combate às mudanças climáticas”, comenta.

 

Confira o debate na íntegra no endereço: Clique aqui

 

 

Comentários
Deixe seu comentário Fechar formulário de comentário